Topo

Após 41 anos, EUA identificam suposta vítima do 'palhaço assassino'

John Wayne Gacy, vestido como o palhaço Pogo (esquerda), e em autorretrato feito na cadeia - Reprodução
John Wayne Gacy, vestido como o palhaço Pogo (esquerda), e em autorretrato feito na cadeia Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

15/05/2013 10h06

A polícia do Estado americano de Missouri identificou como sendo de Steven Soden uma ossada achada há 13 anos em um parque na região de Bass River. Quando desapareceu, durante uma excursão de seu orfanato, em 1972, Soden tinha 16 anos.

A descoberta é parte de uma investigação ainda aberta de um caso da década de 70 - o do serial killer John Wayne Gacy, conhecido como o "palhaço assassino", acusado de matar 33 garotos e adolescentes em Chicago.

A matança aconteceu entre 1972 e 1978.  Gacy foi executado em 1994. Na cadeia, ele se dedicou a pintar quadros, como autorretratos seus vestido de palhaço.

Ainda não há pistas do rapaz que desapareceu junto com Soden, Donald Caldwell. A ossada do adolescente foi achada em 2000, e identificada somente agora, após sua irmã fornecer uma amostra de seu sangue para exames de DNA, em outubro de 2012.

O resultado do exame saiu em novembro de 2012, mas só agora foi confirmada sem chance de erro a identidade da ossada.

A polícia não crê em conexão entre o serial killer e o garoto desaparecido. "Vamos tratar isso como uma descoberta de restos mortais até descobrirmos mais detalhes. Pode ter acontecido qualquer coisa", disse a um site local o detetive Stephen Urbanski, que cuida do caso.

Mais Internacional