França prende dois após encontrar carro com botijões de gás perto de catedral

Do UOL, em São Paulo

  • Michel Euler/AP

    Em imagem de dezembro de 2015, soldado faz patrulha em frente à catedral de Notre Dame, em Paris

    Em imagem de dezembro de 2015, soldado faz patrulha em frente à catedral de Notre Dame, em Paris

Duas pessoas foram detidas depois que a polícia francesa encontrou sete botijões de gás em um carro estacionado perto da catedral de Notre Dame de Paris no domingo (4).

O carro foi descoberto na manhã de domingo na margem do rio Sena com o pisca-alerta ligado, sem placas de licenciamento e sem ninguém dentro. Seis botijões estavam com gás no porta-malas e um botijão vazio estava no carro.

O proprietário do carro e uma pessoa próxima, ambos com ficha na polícia, foram detidos na terça-feira (6). A unidade antiterrorista abriu uma investigação.

A França está em alerta para ameaça terrorista. O país foi alvo de ataques terroristas reivindicados pelo grupo Estado Islâmico, incluindo o ataque em Nice (sul) de 14 de julho, que deixou 86 mortos. Menos de 15 dias depois, dois jovens extremistas mataram um padre em Rouen.

O Estado Islâmico também reivindicou os atentados de Paris de novembro de 2015, que mataram 130 pessoas. (Com as agências internacionais)

Atentados em Paris em novembro de 2015

  •  

Atentado em Nice: veja como aconteceu o ataque com caminhão

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos