Brasileira morre durante voo para a Tailândia

Do UOL, em Brasília

  • Facebook

    Morte da administradora Regina Dezani foi comunicada na chegada de avião a Doha

    Morte da administradora Regina Dezani foi comunicada na chegada de avião a Doha

O MRE (Ministério das Relações Exteriores) confirmou nesta segunda-feira (1º) a morte da brasileira Regina Dezani da Costa, 39. Ela viajava do Brasil para a Tailândia quando passou mal durante o voo na madrugada do último domingo (30).

Segundo o Itamaraty, oficiais da embaixada brasileira em Doha (capital do Catar) foram comunicados da morte de Regina quando o avião em que ela viajava pousou no aeroporto internacional da cidade. As causas da morte ainda são desconhecidas.

Regina era administradora de empresas especializada na área fiscal. De acordo com o Itamaraty, a família da brasileira, que vive no Estado de São Paulo, já entrou em contato com a diplomacia brasileira para trazer o corpo de Regina de volta ao Brasil.

O Itamaraty informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que o órgão não é responsável pelo translado do corpo da brasileira, mas que fornece as informações relativas ao trâmite burocrático.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos