Temer parabeniza Macron e diz que Brasil e França continuarão a trabalhar juntos

Do UOL, em Brasília

  • Eduardo Anizelli/Folhapress

O presidente Michel Temer (PMDB) parabenizou Emmanuel Macron pela vitória no segundo turno das eleições francesas neste domingo (7).

"Felicito Emmanuel Macron pela vitória nas eleições para Presidente da França. Brasil e França continuarão a trabalhar juntos em favor da democracia, dos direitos humanos, do desenvolvimento, da integração e da paz", disse Temer em um post no Twitter.

O ministro das Relações Exteriores, Aloysio Nunes Ferreira, também se manifestou. "A eleição de Emmanuel Macron, por ampla margem de sufrágios, reafirma o apego do povo francês aos valores democráticos com os quais nós brasileiros nos identificamos profundamente. A França hoje vitoriosa é aberta, acolhedora e empenhada em perseverar na construção do projeto europeu", disse o tucano em nota oficial.

Presidentes se manifestam sobre Macron

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, também parabenizou o presidente eleito da Franç  pela "grande vitória" nas eleições de hoje através de uma mensagem publicada na rede social Twitter.

"Felicitações a Emmanuel Macron por sua grande vitória hoje como o próximo presidente da França. Tenho muita vontade de trabalhar com ele!", escreveu Trump em um breve comentário no Twitter.

Em comunicado, o porta-voz da Casa Branca, Sean Spier, disse que o governo Trump parabenizava outra vez Macron e o povo da França pela eleição presidencial realizada com êxito.

"Desejamos trabalhar com o novo presidente e dar sequência à nossa estreita cooperação com o povo francês", disse a nota.

A Casa Branca já tinha expressado durante a semana que trabalharia "com o presidente que os franceses escolhessem", independentemente de quem vencesse o pleito.

O presidente do governo da Espanha, Mariano Rajoy, utilizou o Twitter para parabenizar o centrista pela vitória nas eleições presidenciais da França, em mensagem que destacou a necessidade de trabalho conjunto dos dois países.

O chefe do Executivo publicou mensagem pouco depois da divulgação das primeiras projeções, de que o centrista vencerá a ultradireitista Marine Le Pen, que já reconheceu a derrota, por cerca de 30 pontos percentuais de vantagem.

"Parabéns @EmmanuelMacron, novo presidente da #França. Trabalhemos, França e Espanha, por uma Europa estável, próspera e mais integrada", escreveu Rajoy.

Macron venceu o pleito hoje com 65% dos votos contra 35% de sua adversária, a líder da extrema direita Marine Le Pen, de acordo com as primeiras projeções dos institutos de pesquisas. (*Com agências internacionais)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos