Cliente reclama de pouco pepino na salada. E acaba preso em restaurante

Colaboração para o UOL

  • Divulgação

    Salada servida por restaurante desagradou cliente, que ameaçou matar o funcionário

    Salada servida por restaurante desagradou cliente, que ameaçou matar o funcionário

Uma briga iniciada pelo simples fato de uma salada chegar à mesa com pouco pepino motivou a prisão de um homem de 58 anos no distrito de New Holland, no estado da Pensilvânia. Theodore L. Gunderson Jr. ameaçou um funcionário da rede de restaurantes Wendy's após alegar que havia menos legume em seu prato que o esperado.

O incidente aconteceu no último domingo (31). Segundo informações da polícia de New Holland, Gunderson Jr. usou de linguagem obscena, jogou a salada no funcionário e ameaçou matá-lo, ao dizer: "Se eu tivesse uma arma ou faca você seria o primeiro a ser pego".

Além das acusações de lesão corporal, ameaça terrorista e desordem pública, ele ainda é acusado de resistir à prisão. Isso porque, quando a polícia chegou, após ser chamada pelo funcionário, Gunderson Jr. estava dentro de seu veículo. No estacionamento do restaurante, ele se negou a abrir a janela ou sair do carro.

Quando finalmente abriu o veículo e recebeu voz de prisão, ele ligou o carro e tentou fugir. Um policial tentou retirar a chave da ignição e, como estava com o braço no interior do veículo, quase foi arrastado. O oficial não ficou ferido.

A acusação contra Gunderson Jr. foi feita na última segunda-feira, em sessão presidida pelo juiz distrital Jayne Duncan. O acusado preferiu continuar na prisão do que pagar a fiança de US$ 10 mil.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos