Piloto britânico é retirado de avião algemado por suspeita de embriaguez

Colaboração para o UOL

  • Toby Melville/ Reuters

Um piloto da companhia aérea British Airways foi retirado da cabine de um avião e algemado pela polícia britânica na última quinta-feira (18). A suspeita das autoridades é de embriaguez. Uma investigação foi aberta para apurar se o homem consumiu bebida alcoólica antes de entrar na aeronave.

De acordo com a polícia de Sussex, cidade a 47 km ao sul de Londres, o piloto é um homem de 49 anos "suspeito de desempenhar sua função em nível alcoólico superior ao limite proscrito".

Leia mais

Os oficiais foram comunicadas pelos próprios funcionários da British Airways, que, preocupados, chamaram a polícia antes que a aeronave deixasse o Aeroporto Internacional Gatwick em direção a Maurício, uma ilha no Oceânico Índico a 2 mil km da costa africana.

Em razão do incidente, o avião partiu com três horas de atraso. O Boeing 777 deveria deixar o Terminal Sul às 20h20, mas isso só aconteceu por volta das 23h. A aeronave só decolou depois que o piloto supostamente bêbado foi retirado do cockpit algemado e outro tripulante se juntou ao voo.

Neste sábado (20), a companhia aérea expediu um comunicado oficial pedindo desculpas pela demora e justificando o atraso: "Levar este assunto extremamente a sério e ajudar a polícia com suas perguntas", informou. "A aeronave permaneceu no portão até que um terceiro piloto se juntasse à equipe de voo".

O piloto, de West Drayton, na Grande Londres, permanece sob a custódia da polícia de Sussex.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos