PUBLICIDADE
Topo

Companhia aérea pagará até R$ 42 mil se passageiro contrair covid-19 em voo

Avião da Jet Airways - iStock
Avião da Jet Airways Imagem: iStock

Do UOL, em São Paulo

24/03/2020 11h40

A companhia aérea Vietjet, do Vietnã, divulgou que está preparada para pagar aos clientes até R$ 42 mil reais (200,000,000 VND — dong vietnamita, moeda do país) se o passageiro contrair coronavírus depois de voar com eles.

Os pacientes com teste positivo devem fazer uma reclamação através de um formulário disponibilizado pela empresa e precisam comprovar que o teste deu positivo para a covid-19 e que realizam tratamento contra a doença.

O pagamento fará parte do novo plano de seguro da companhia, o "Sky Covid Care", que cobrirá todos os voos domésticos realizados por eles no período entre 23 de março e 30 de junho de 2020. O plano será oferecido gratuitamente a todos os clientes e independentemente da idade ou nacionalidade.

Em comunicado oficial, a empresa disse que "com o seguro, os passageiros são elegíveis para a cobertura do seguro e se beneficiam do Vietjet dentro de 30 dias a partir das 00:01 da data do voo, independentemente de como os passageiros estejam infectados com a doença."

Para ser qualificado a entrar no seguro da companhia, o passageiro deve fornecer informações relevantes como o nome, telefone e endereço de e-mail ao comprar as passagens. Além de ser necessário cumprir "todas as regulamentações sobre prevenção e controle de doenças do Vietjet, Ministério da Saúde e autoridades".

A empresa ressaltou que as pessoas com teste positivo para o coronavírus não são elegíveis para receber o seguro. Também não são elegíveis pessoas que violaram os regulamentos de segurança, isolamento ou proibição de viagem solicitada pelo Ministério da Saúde do Vietnã ou autoridades governamentais.

A companhia também informou que o seguro não cobrirá passageiros com epilepsia, distúrbios mentais ou comportamentos suicidas.

Internacional