PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Esse conteúdo é antigo

Grécia começa a afrouxar quarentena; reabertura do comércio será gradual

O primeiro-ministro grego Kyriakos Mitsotakis - Louisa Gouliamaki/AFP
O primeiro-ministro grego Kyriakos Mitsotakis Imagem: Louisa Gouliamaki/AFP

Do UOL, em São Paulo

28/04/2020 15h18

A Grécia vai começar a reduzir gradualmente as restrições de bloqueio a partir da próxima segunda-feira (4), anunciou hoje o primeiro-ministro Kyriakos Mitsotakis em discurso na TV.

Algumas empresas como livrarias, lojas de eletrônico, artigos esportivos e salões de beleza poderão reabrir a partir da semana que vem.

Por pelo menos mais duas semanas, no entanto, cidadãos ainda não poderão se deslocar fora de seu condado de residência.

Outras lojas podem retomar os negócios na segunda-feira seguinte, dia 11 de maio, com exceção de shopping centers, bares e restaurantes, que só poderão abrir as portas em junho, segundo o primeiro-ministro.

Os estabelecimentos terão restrições em relação à quantidade de clientes.

Mitsotakis também anunciou que as escolas serão reabertas gradualmente a partir de 11 de maio, mas apenas para estudantes do último ano do ensino médio. O restante dos alunos devem voltar às escolas uma semana depois.

Escolas primárias e jardins de infância permanecerão fechados pelo menos até junho.

Coronavírus