PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Vírus ameaça porcos selvagens mais raros do mundo, que estão em quarentena

Um porco pigmeu, o porco selvagem mais raro do mundo. População na Índia está em quarentena por ameça de vírus altamente contagioso - AP
Um porco pigmeu, o porco selvagem mais raro do mundo. População na Índia está em quarentena por ameça de vírus altamente contagioso Imagem: AP

Do UOL, em São Paulo

06/08/2020 11h51

Os porcos pigmeus — os menores e mais raros porcos selvagens do mundo — estão em quarentena na Índia por causa de um vírus altamente ameaçador, de acordo com a agência Associated Press.

O país enfrenta seu primeiro surto de gripe suína africana. Não existe vacina nem cura para a doença viral muito contagiosa que já matou mais de 16 mil porcos domésticos, afirmou Pradip Gogoi, funcionário do setor de criação de animais do estado de Assam, região que concentra parte da população dos pigmeus.

Os porcos pigmeus, com 25 cm de altura, sofreram uma forte perda de habitat e foram extintos na década de 1960. Um programa de criação em cativeiro e outros esforços de conservação trouxeram a espécie de volta, nas últimas décadas.

Agora, existem quase 300 animais vivendo em bolsões de Assam, no nordeste da Índia, mas os cientistas temem que o vírus possa dizimar essa população, que ainda é considerada ameaçada.

O surto atingiu o país em 18 de maio, e cientistas praticamente bloquearam os centros de reprodução, adotando precauções rigorosas, disse Parag Deka, que chefia o Programa de Conservação de Porcos Pigmeus. A iniciativa é administrada em conjunto pelas autoridades indianas, a britânica Durrell Wildlife Conservation Trust e a organização local Aaranyak, sem fins lucrativos.

"É muito assustador", disse Deka. "Pode acabar com toda a população".

O vírus se espalha principalmente pelo contato direto entre porcos, através de carne infectada ou material contaminado — e uma vacina não estará disponível em menos de dois ou três anos, disse Linda Dixon, que está pesquisando o vírus no Instituto Pirbright, no Reino Unido.

O vírus mata quase todos os porcos infectados, afirmou Dixon. "Pode dizimar populações de porco selvagem ou doméstico. Pode ser muito ruim."

Internacional