PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
6 meses

Doença rara faz bebê de 18 meses ter pés e mãos de criança de 10 anos

Bebê de 18 meses é portador da síndrome de Klippel-Trenaunay - Divulgação
Bebê de 18 meses é portador da síndrome de Klippel-Trenaunay Imagem: Divulgação

Colaboração para o UOL, em São Paulo

07/01/2021 20h09

Um bebê turco de 18 meses nasceu com uma condição rara e incurável, que fez com que uma de suas mãos e um de seus pés cresçam desproporcionalmente em relação ao restante do corpo.

A mãe Nurgul Tiryaki, de 21 anos, e o pai Sinan Tiryaki, de 27, dizem estar desesperados para encontrar ajuda para o filho de apenas um ano e meio, mas esbarram na falta de condição financeira. O temor é que a condição incomum possa levar a algo ainda pior no futuro do filho.

"Não quero perdê-lo antes de vê-lo andando e correndo. Se não for tratado, há risco de câncer. O tratamento que ele recebe agora é apenas para diminuir o risco de câncer", contou o pai para um jornal da Turquia.

Após descobrir a condição rara e procurar ajuda, o casal descobriu que a criança é portadora da síndrome de Klippel-Trenaunay, considerada incurável pela medicina e que altera as ramificações de veias e artérias, causando uma espécie de gigantismo nas áreas afetadas - geralmente as pernas.

A família agora procura arrecadar 30 mil libras, cerca de R$ 220 mil, para realizar os primeiros tratamentos em um hospital privado em Istambul.

Internacional