PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Homem engole celular, espera 6 meses para 'natureza agir', mas é operado

Aparelho celular foi retirado do estômago do paciente - Divulgação/ Hospital Universitário de Aswan
Aparelho celular foi retirado do estômago do paciente Imagem: Divulgação/ Hospital Universitário de Aswan

Colaboração para o UOL, em São Paulo

25/10/2021 10h22Atualizada em 25/10/2021 13h23

Um egípcio precisou passa por uma cirurgia de emergência para retirar um aparelho celular do estômago. O homem relatou que engoliu o equipamento há seis meses e estava esperando eliminá-lo de forma natural.

Segundo o site Gulf Today, o Hospital Universitário de Aswan, onde a cirurgia foi realizada, explicou que o paciente procurou atendimento médico após perder muito peso e sentir fortes dores abdominais.

No hospital, o rapaz, que não teve a identidade divulgada, relatou aos médicos que havia engolido um aparelho celular há seis meses e estava esperando que seu corpo o eliminasse de forma natural, pela evacuação, mas como isso não aconteceu ele decidiu procurar ajuda. O rapaz não explicou como e, porque engoliu o aparelho.

Durante o atendimento hospitalar, exames médicos, incluindo raios-X e tomografias computadorizadas, mostraram que o objeto estranho estava na barriga do homem, causando inflamação severa em seu estômago e intestinos.

Ele foi levado às pressas para a sala de cirurgias. O procedimento para a retirada do aparelho demorou duas horas.

O hospital informou ainda que o celular estava obstruindo a passagem de alimentos e o paciente teve sorte em não ter tido uma infecção já que a bateria do celular contém produtos químicos prejudiciais à saúde.

"O incidente foi o primeiro desse tipo. Foi muito estranho, já que o homem não revelou porque engoliu o celular" disse o médico Mohammed Al Dahshouri em entrevista ao site.

Ainda segundo o hospital, o homem está se recuperando da cirurgia e passa bem.

Internacional