PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Governo pede para que se pare de colher planta-pênis carnívora no Camboja

Colaboração para o UOL, em São Paulo

20/05/2022 09h48

O governo do Camboja solicitou que as pessoas parem de colher uma planta carnívora rara, conhecida como "planta-pênis", por se assemelhar muito com a genitália masculina humana. As autoridades alegaram que a prática generalizada está aumentando o risco de extinção da espécie.

A declaração foi feita no dia 11 de maio pelo Ministério do Meio Ambiente do país no Facebook. Na publicação, são destacadas as imagens de três mulheres arrancando as plantas de suas raízes e posando com elas em fotos posteriormente compartilhadas nas redes sociais delas, informou o jornal local Khmer Times.

Diante dos impactos ambientais da brincadeira, o ministério fez um pedido aos habitantes de Bokor Mountain, na cidade de Kampot, para que deixassem a planta em paz. "O que eles estão fazendo é errado. Por favor, não o façam novamente no futuro! Obrigado por amar a natureza, mas não as colham, para que não as percamos".

A planta-pênis, chamada Nepenthes bokorensis, é uma espécie carnívora típica das cadeias de montanhas do sul do Camboja e que pode chegar aos 7 metros de altura. Ela se alimenta de formigas e insetos e não é fácil de ser localizada por pesquisadores.

Em entrevista ao site LiveScience, o ilustrador botânico François Mey, um dos descobridores da planta, disse que apanhá-la pode parecer divertido à primeira vista, no entanto, as pessoas precisam se conscientizar de que esse ato compromete a sobrevivência da planta.

"Se as pessoas quiserem tirar selfies com as plantas, não há problema nenhum. Apenas não as segurem ou arranquem do solo, porque pode as enfraquecer, é por esta via que elas se alimentam", alertou.

As Nepenthes bokorensis vivem em solos com baixo teor de nutrientes, complementando sua dieta com insetos vivos, e usando seu néctar e um perfume doce para atrair presas.

Os insetos se alimentam do néctar ao redor da boca das folhas modificadas das plantas-pênis assim que ficam maduras. Quando os insetos caem dentro dessa cavidade, eles se afogam em fluidos digestivos e as plantas absorvem seus nutrientes.

Em contrapartida, os habitats naturais de plantas carnívoras no Camboja diminuíram em virtude da expansão agrícola em reservas naturais e ao crescimento da indústria do turismo em áreas protegidas, de acordo com um estudo de 2021 destacado no Cambodian Journal of Natural History.

Internacional