Conteúdo publicado há 1 mês

FAB diz estar de prontidão para resgatar brasileiros após Irã atacar Israel

A FAB (Força Aérea Brasileira) afirmou neste domingo (14) que está de prontidão para atender pedidos de resgate de brasileiros no Oriente Médio após os ataques do Irã a Israel.

O que aconteceu

A força afirma que coloca à disposição tripulação e aeronaves para eventuais resgates. "A FAB informa que, em razão dos últimos acontecimentos registrados no Oriente Médio, encontra-se preparada e pronta para atender a quaisquer demandas de resgate de brasileiros nas áreas de conflito", disse o órgão.

Atuação depende de acionamento por autoridades competentes. A FAB é subordinada às Forças Armadas, que, por sua vez, tem como seu chefe supremo o presidente da República.

Itamaraty manifestou 'grave preocupação' após ataque

Sem defender Irã ou Israel, Brasil citou 'potencial destrutivo' dos ataques. Em nota divulgada neste sábado (13), o Itamaraty lembrou já ter sinalizado a possibilidade de as hostilidades na região se espalharem para países vizinhos, como Cisjordânia, Líbano, Síria, Iêmen "e, agora, o Irã".

Ministério das Relações Exteriores também fez apelo aos envolvidos. A pasta pediu a Irã e Israel que "exerçam máxima contenção", isto é, evitem causar mais danos a civis, e convocou toda a comunidade internacional a "mobilizar esforços no sentido de evitar uma escalada" do conflito.

Governo também desaconselhou viagens não essenciais à região. Além disso, pediu aos brasileiros que já estão no Irã, em Israel ou nos países vizinhos que "sigam as orientações divulgadas nos sítios eletrônicos e mídias sociais das embaixadas brasileiras".

O governo brasileiro acompanha, com grave preocupação, relatos de envio de drones e mísseis do Irã em direção a Israel, deixando em alerta países vizinhos como Jordânia e Síria. (...) O Itamaraty vem monitorando a situação dos brasileiros na região, em particular em Israel, Palestina e Líbano desde outubro passado.
Ministério das Relações Exteriores, em nota

Deixe seu comentário

Só para assinantes