Topo

Raro, tubarão "alienígena" é encontrado na Austrália

Tubarão-duende de 1,26 m de comprimento é entregue ao Museu Australiano - Billy Ryan/Australian Museum
Tubarão-duende de 1,26 m de comprimento é entregue ao Museu Australiano Imagem: Billy Ryan/Australian Museum

Do UOL, em São Paulo

03/03/2015 12h12

Um tubarão-duende, espécie de animal pré-histórico apelidado de "alienígena das profundezas", foi pescado perto de Eden, na Austrália, a uma profundidade de cerca de 200 metros, e entregue ao Museu Australiano, localizado em Sydney.

Segundo o museu, que agora expõe o animal raramente visto, o tubarão-duende, ou Mitsukurina owstoni, está sendo comparado a um "alien" marinho por conta de seu corpo rosa e flácido, seu focinho estranho e dentes que se parecem com unhas.

A mandíbula é assombrosa, pois se projeta quando uma presa é detectada e em seguida recolhe-a sob o nariz em forma de pá.

Pouco se sabe sobre este tipo de tubarão que vive nas profundezas dos mares. Acredita-se que seus principais alimentos sejam peixes, polvos, lulas, camarões e caranguejos. Infelizmente, o intestino deste tubarão estava vazio quando ele chegou ao museu, por isso os cientistas não conseguiram saber a sua última refeição.

A espécie recém-adquirida é um macho juvenil de 1,26 m de comprimento.

O museu agora possui quatro exemplares do tubarão-duende coletados em águas australianas. Duas delas, incluindo este exemplar, são jovens com pouco mais de 1 metro de comprimento. Os outros dois tem 3,6 m e 3,8 m de comprimento. Os quatro são machos e foram capturados entre Sydney e Eden.

"Impressiona como é bonito e nem um pouco repugnante", disse Mark McGrouther, responsável pelas coleções de peixes do Museu Australiano de Sidney. "Não é comum pegar um bicho desse."

"Suspeito que ele possua uma musculatura leve e flácida, não precisando de muita energia, o que faz com que nade devagar pelo fundo do mar usando apenas o focinho como se fosse um detector de metais", contou o pesquisador à AFP.

Os pesquisadores acreditam que a espécie seja um fóssil vivo de cerca de 125 milhões de anos.

Mais Meio Ambiente