Ibope: Doria lidera intenção de voto ao governo de SP com 22%; Skaf tem 15%

Do UOL, em São Paulo

  • UOL

O Ibope divulgou na noite desta segunda-feira (28) pesquisa de intenção de votos em São Paulo para o governo e o senado federal. Encomendada pela Band, a pesquisa trouxe também as intenções de voto para presidente no estado –o maior colégio eleitoral do país.

De acordo com a pesquisa, o ex-prefeito João Doria (PSDB) está à frente na corrida para o governo de São Paulo, com 22% das intenções de voto. Paulo Skaf (MDB) aparece em seguida, com 15%.

No mês de abril, pesquisa divulgada pelo Ibope mostrou que Doria (24%) e Skaf (19%) estavam tecnicamente empatados. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Intenções de voto para o governo de SP:

  • João Doria (PSDB): 22%
  • Paulo Skaf (MDB): 15%
  • Luiz Marinho (PT): 4%
  • Márcio França (PSB): 3%
  • Rodrigo Tavares (PRTB): 2%
  • Professora Lisete Arelaro (Psol): 2%
  • Rogerio Chequer (Novo): 1%
  • Alexandre Zeitune (Rede): zero
  • Brancos e nulos: 40%
  • Não sabem ou não quiseram responder: 10%

A pesquisa também trouxe projeções para um eventual segundo turno. No cenário entre Doria e Skaf, os dois aparecem tecnicamente empatados:

Cenário 1 para o 2º turno para governador:

  • Doria: 31%
  • Skaf: 30%
  • Brancos e nulos: 32%
  • Não sabem ou não quiseram responder: 8%

Na pesquisa anterior, os dois apareciam com 32% das intenções de voto cada um.

Cenário 2 para o 2º turno para governador: 

  • Doria: 35%
  • França: 22%
  • Brancos e nulos: 35%
  • Não sabem ou não quiseram responder: 8%

Na pesquisa divulgada em abril, Doria aparecia com 39% das intenções de voto contra 20% de França em um possível segundo turno.

Contra Luiz Marinho, Doria teria 37% das intenções de voto, enquanto o petista teria 21%. Brancos e nulos somam 34%. Não sabem ou não opinaram, 8%. Na pesquisa anterior, Doria aparecia com 41% das intenções de voto e Marinho tinha 21% das menções em um possível segundo turno.

Rejeição

A pesquisa também mensurou o nível de rejeição dos pré-candidatos ao governo. Em todo o Estado, 35% não votariam em Doria, 34% em Skaf, 20% em Marinho e 16% em França.

Considerando apenas a capital, a rejeição de Doria sobe para 55%. Não votariam em Skaf 33%, enquanto Marinho e França aparecem com rejeição de 26% e 16%, respectivamente.

Senado

Na disputa para o Senado, o vereador Eduardo Suplicy (PT) e o apresentador da Band José Luiz Datena (DEM) estão empatados tecnicamente dentro da margem de erro, de três pontos para mais ou para menos. 

Intenções de votos para o Senado por SP (dois nomes poderiam ser citados por entrevistado):

  • Eduardo Suplicy (PT): 30%
  • José Luiz Datena (DEM): 26%
  • Marta Suplicy (MDB): 18%
  • Mário Covas Neto (Pode): 12%
  • Major Olímpio (PSL): 10%
  • José Aníbal (PSDB): 6%
  • Ricardo Trípoli (PSDB): 4%
  • Daniel Cara (Psol): 3%
  • Jair Andreoni (MDB): 2%
  • Jilmar Tatto (PT): 2%
  • Silvia Ferraro (Psol): 2%
  • Christian Lohnbauer (Novo): 1%
  • Brancos e nulos: 52%
  • Não sabem ou não quiseram responder: 14%

A pesquisa Ibope para governador de São Paulo e senador pelo estado foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número SP-04608/2018 e ouviu 1.008 pessoas entre os dias 24 e 27 de maio em 60 municípios de São Paulo. O nível de confiança estimado é de 95% e a margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

Presidente

Para presidente, no Estado de São Paulo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aparece em empate técnico com o segundo colocado, o deputado federal Jair Bolsonaro.

Intenções de voto em SP para presidente (com Lula):

  • Luiz Inácio Lula da Silva (PT): 23%
  • Jair Bolsonaro (PSL): 19%
  • Geraldo Alckmin (PSDB): 13%
  • Marina Silva (Rede): 9%
  • Ciro Gomes (PDT): 3%
  • Alvaro Dias (Pode): 2%
  • Henrique Meirelles (MDB): 1%
  • Fernando Collor de Mello (PTC): 1%
  • João Goulart Filho (PPL): 1%
  • Rodrigo Maia (DEM): 1%
  • Aldo Rebelo (SD): zero
  • Flávio Rocha (PRB): zero
  • Guilherme Boulos (Psol): zero
  • João Amoêdo (Novo): zero
  • Levy Fidelix (PRTB): zero
  • Manuela D'Ávila (PCdoB): zero
  • Paulo Rabello de Castro (PSC): zero
  • Brancos e nulos: 21%
  • Não sabem ou não quiseram responder: 5%

Lula foi condenado a 12 anos e 1 mês de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro e está preso desde o dia 7 de abril. Condenado em segunda instância, o ex-presidente pode ficar inelegível devido à Lei da Ficha Limpa. Mesmo assim, o PT o mantém como pré-candidato.

Em cenário do Ibope em que o ex-presidente não aparece, quem lidera as intenções em São Paulo é Bolsonaro, em empate técnico com o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin.

Intenções de voto em SP para presidente (sem Lula, com Haddad):

  • Jair Bolsonaro (PSL): 19%
  • Geraldo Alckmin (PSDB): 15%
  • Marina Silva (Rede): 11%
  • Ciro Gomes (PDT): 7%
  • Alvaro Dias (Pode): 3%
  • Fernando Haddad (PT): 3%
  • Henrique Meirelles (MDB): 2%
  • Aldo Rebelo (SD): 1%
  • Fernando Collor de Mello (PTC): 1%
  • Guilherme Boulos (Psol): 1%
  • João Amoêdo (Novo): 1%
  • João Goulart Filho (PPL): 1%
  • Rodrigo Maia (DEM): 1%
  • Levy Fidelix (PRTB): 1%
  • Manuela D'Ávila (PCdoB): 1%
  • Paulo Rabello de Castro (PSC): 1%
  • Flávio Rocha (PRB): zero
  • Brancos e nulos: 27%
  • Não sabem ou não quiseram responder: 4%

Intenções de voto em SP para presidente (sem Lula, com Jaques Wagner):

  • Jair Bolsonaro (PSL): 20%
  • Geraldo Alckmin (PSDB): 15%
  • Marina Silva (Rede): 12%
  • Ciro Gomes (PDT): 7%
  • Alvaro Dias (Pode): 3%
  • Henrique Meirelles (MDB): 2%
  • Aldo Rebelo (SD): 1%
  • Fernando Collor de Mello (PTC): 1%
  • Flávio Rocha (PRB): 1%
  • Guilherme Boulos (Psol): 1%
  • João Amoêdo (Novo): 1%
  • Levy Fidelix (PRTB): 1%
  • João Goulart Filho (PPL): 1%
  • Manuela D'Ávila (PCdoB): 1%
  • Rodrigo Maia (DEM): 1%
  • Jaques Wagner (PT): zero
  • Paulo Rabello de Castro (PSC): zero
  • Brancos e nulos: 27%
  • Não sabem ou não quiseram responder: 4%

Rejeição

Questionados sobre em quais dos pré-candidatos à Presidência o eleitor de São Paulo não votaria, 44% dos entrevistados rejeitaram Lula. O também ex-presidente Fernando Collor aparece em seguida, com 30% de rejeição.

Rejeição de voto para Presidente da República (vários nomes poderiam ser citados por entrevistado):

  • Luiz Inácio Lula da Silva (PT): 44%
  • Fernando Collor de Mello (PTC): 30%
  • Jair Bolsonaro (PSL): 27%
  • Geraldo Alckmin (PSDB): 26%
  • Ciro Gomes (PDT): 21%
  • Fernando Haddad (PT): 18%
  • Marina Silva (Rede): 18%
  • Levy Fidelix (PRTB): 16%
  • Rodrigo Maia (DEM): 15%
  • Aldo Rebelo (SD): 12%
  • Henrique Meirelles (MDB): 12%
  • Guilherme Boulos (Psol): 11%
  • Jaques Wagner (PT): 10%
  • João Goulart Filho (PPL): 10%
  • Manuela D'Ávila (PCdoB): 10%
  • Flávio Rocha (PRB): 9%
  • Alvaro Dias (Pode): 8%
  • João Amoêdo (Novo): 8%
  • Paulo Rabello de Castro (PSC): 8%
  • Poderiam votar em todos: 2%
  • Não sabem ou não quiseram responder: 11%

A pesquisa Ibope para presidente foi registrada no TSE sob o número BR-06360/2018 e ouviu 1.008 pessoas entre os dias 24 e 27 de maio, também em 60 municípios de São Paulo. O nível de confiança estimado é de 95% e a margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

UOL Cursos Online

Todos os cursos