Análise: Caso dos grampos ofusca marketing do governo e irrita Lula

Da Redação
Em São Paulo

Era para ser uma semana de comemoração. O Palácio do Planalto preparou uma agenda positiva de viagens para o presidente Lula. A primeira extração de óleo da camada pré-sal, criação de 44 mil novas vagas para o ensino superior, lançamento de um programa de modernização da indústria naval e também do projeto Saúde na Escola. Mas essas boas notícias para o governo foram ofuscadas pelo caso dos grampos ilegais que flagraram conversas entre o presidente do Supremo Tribunal Federal e um senador da República. Veja comentário de Lucia Hippolito.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos