Topo

Ibope: avaliação do governo Bolsonaro é pior no Nordeste

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) em evento em Brasília - Evaristo Sá/AFP
O presidente Jair Bolsonaro (PSL) em evento em Brasília Imagem: Evaristo Sá/AFP

Guilherme Mazieiro

Do UOL, em Brasília

24/04/2019 11h48

O governo Jair Bolsonaro (PSL) é pior avaliado na região Nordeste do país, onde 40% o consideram "ruim ou péssimo". Segundo dados da pesquisa Ibope encomendada pela CNI (Confederação Nacional da Indústria), 25% dos entrevistados daquela região avaliam o governo como "ótimo ou bom" -- na média da população brasileira, o percentual é de 35%.

O levantamento foi realizado entre os dias 12 e 15 de abril, com 2 mil pessoas, em 126 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Veja a avaliação do governo por região:

Nordeste

Ótimo ou bom: 25%
Regular: 29%
Ruim ou péssimo: 40%
Não soube ou não respondeu: 6%

Sudeste

Ótimo ou bom: 36%
Regular: 30%
Ruim ou péssimo: 25%
Não soube ou não respondeu: 8%

Norte/Centro-Oeste

Ótimo ou bom: 37%
Regular: 36%
Ruim ou péssimo: 20%
Não soube ou não respondeu: 7%

Sul

Ótimo ou bom: 44%
Regular: 33%
Ruim ou péssimo: 19%
Não soube ou não respondeu: 5%

O Ibope também fez a pesquisa, por região, sobre a maneira de governar do presidente. Veja os resultados:

Nordeste

Aprova: 38%
Desaprova: 55%
Não sabe ou não respondeu: 7%

Sudeste

Aprova: 52%
Desaprova: 39%
Não sabe ou não respondeu: 10%

Norte/Centro-Oeste

Aprova: 57%
Desaprova: 31%
Não sabe ou não respondeu: 12%

Sul

Aprova: 63%
Desaprova: 31%
Não sabe ou não respondeu: 6%

A pergunta sobre a confiança no presidente também foi feita por região. Veja os resultados:

Nordeste

Confia: 38%
Não confia: 58%
Não sabe ou não respondeu: 4%

Sudeste

Confia: 53%
Não confia: 43%
Não sabe ou não respondeu: 4%

Norte/Centro-Oeste

Confia: 57%
Não confia: 39%
Não sabe ou não respondeu: 5%

Sul

Confia: 60%
Não confia: 35%
Não sabe ou não respondeu: 5%

Segundo o gerente executivo de pesquisa da CNI, Renato da Fonseca, o resultado segue a tendência identificada nas eleições.
"No geral da pesquisa se manteve o que já tínhamos percebido durante as eleições. A avaliação é melhor entre os homens, entre aqueles com renda familiar mais elevada e melhor no Sul", disse.

A pesquisa Ibope divulgada hoje também apontou que o governo Bolsonaro mantém a pior avaliação entre os presidentes eleitos, dos últimos 24 anos.

O Ibope informou que as porcentagens são arredondadas para análise, por isso, em alguns casos, a soma pode ultrapassar 100%.

Política