Topo

Apoiador de Bolsonaro, dono da Havan suspende propagandas na Rede Globo

10.out.2018 - Jair Bolsonaro (PSL), à direita, ao lado do empresário e dono da Havan, Luciano Hang - Reprodução/Facebook
10.out.2018 - Jair Bolsonaro (PSL), à direita, ao lado do empresário e dono da Havan, Luciano Hang Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

07/11/2019 11h02

O empresário Luciano Hang anunciou hoje que suspendeu as propagandas de sua rede de lojas, a Havan, nos intervalos de telejornais e programas da Rede Globo. No comunicado, divulgado em sua conta no Twitter, Hang diz não compactuar "com o jornalismo ideológico e algumas programações da Rede Globo nacional".

O empresário, um dos principais apoiadores do presidente Jair Bolsonaro, informou que suspendeu todas as campanhas publicitárias nos intervalos do Bom Dia Brasil, Jornal Hoje, Jornal Nacional, Jornal da Globo, Malhação e Caldeirão do Huck. Na semana passada, o Jornal Nacional divulgou uma menção nominal ao presidente no caso dos assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes.

"Enquanto esses programas prestarem um desserviço à nação e irem contra os valores da família brasileira, não voltaremos a anunciar. A Havan acredita que é através do otimismo, da confiança e da união de todos que vamos desenvolver e gerar os empregos que o Brasil tanto precisa. As eleições do ano passado mostraram que a grande maioria dos brasileiros quer mudanças", diz um trecho do comunicado.

Hang afirmou ainda que, por ora, a empresa manterá as propagandas nas afiliadas e jornais locais, "que ainda informam a sociedade mais isenta e conservadora".

Depois que seu nome foi citado na reportagem da TV Globo, Bolsonaro fez uma live se isentando da responsabilidade pelo crime e fazendo duras críticas à imprensa. No dia seguinte, o Ministério Público negou versão apresentada pelo porteiro e afirmou que o presidente não foi o responsável por autorizar a entrada de um dos acusados de matar Marielle no condomínio.

Posicionamento da Rede Globo

Procurada pelo UOL, a Rede Globo preferiu não comentou detalhes sobre a decisão do empresário Luciano Hang e reforçou seus princípios como emissora em relação à veiculação de propagandas.

"A Globo acredita que entrega para as marcas anunciantes as melhores oportunidades de conexão com seus públicos e tem por princípio não comentar nenhuma decisão e/ou estratégia de mídia de seus parceiros".

Ouça o podcast Baixo Clero com análises políticas de blogueiros do UOL.

Os podcasts do UOL estão disponíveis no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas de áudio.

Política