PUBLICIDADE
Topo

Joice diz que fala de Bolsonaro sobre fundo eleitoral é "molecagem"

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) e o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) - Reprodução/Twitters
A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) e o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) Imagem: Reprodução/Twitters

Do UOL, em São Paulo

02/01/2020 20h04

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) afirmou na tarde de hoje que a fala do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) a respeito do fundo eleitoral "é um argumento mentiroso". Em rede social, a parlamentar afirmou que não existe na lei nada que permita que ele seja alvo de impeachment em caso de veto ao fundo, como dito pelo presidente nesta manhã; em resposta, Bolsonaro afirmou que a própria Joice já fez uso do fundo na campanha de 2018.

Em uma sequência de mensagens divulgada no Twitter, Hasselmann disse que a fala do presidente é "um estelionato moral/eleitoral".

"Afirmar que a discussão legislativa do quanto a ser aprovado geraria crime de responsabilidade é pura má-fé. É tentar manipular de forma mentirosa a opinião pública. Isso não pode ser feito por um presidente da República. É vergonhoso. Vexatório. É molecagem", escreveu.

Joice explicou que a proposta que está em discussão é sobre o valor de R$ 2 bilhões no fundo e não sobre a existência do fundo em si. Ela também afirmou que o texto sobre a quantia foi apresentado pelo próprio presidente e encaminhado ao Legislativo para votação.

"A discussão posta é sobre o valor do FEFC (fundão) — projeto que votei contra — e não sobre sua existência. O presidente não pode revogar lei existente. Pode apenas vetar o projeto aprovado pelo Congresso, mas que não esteja em vigor, como no presente caso. Logo: ele pode vetar", continuou.

Na sua tradicional live de quinta-feira, Bolsonaro rebateu as críticas da parlamentar alegando que ela utilizou R$ 100 mil do Fundo Especial de Financiamento de Campanha na campanha eleitoral de 2018.

"Tem uma deputada em São Paulo, uma deputada bem fofinha, que também está me criticando. Só que ela usou desse fundo eleitoral na sua campanha ano passado: 100 mil. Está criticando, mas usou. É só entrar no site do TRE de São Paulo para ver que essa deputada fofinha usou esse dinheiro. Não estou aqui fazendo campanha contra eles, só estou restabelecendo a verdade", disse o presidente.

Ouça o podcast Baixo Clero com análises políticas de blogueiros do UOL.
Os podcasts do UOL estão disponíveis no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas de áudio.

Política