PUBLICIDADE
Topo

Política

Tebet: Bolsonaro vive na 'bolha da rede social' e precisa ver o 'país real'

Do UOL, em São Paulo

09/03/2020 23h54

A senadora Simone Tebet (MDB-MS), presidente da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), declarou em entrevista ao Roda Viva, da TV Cultura, que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) vive na "bolha da rede social" e que precisa dar mais atenção ao "mundo real". Para ela, as pessoas querem ouvir saídas "possíveis" para a crise.

"Talvez o que ele não esteja percebendo é que depois de um ano de governo acaba a lua de mel. Então, não da mais para falar só para seu público das redes sociais. Eu, particularmente, tenho pelas redes sociais uma verdadeira fascinação", declarou a senadora.

"Acho que é um meio democrático onde todo mundo tem o direito de, dentro dos limites constitucionais, dizer o que pensam, isso é muito importante, mas não é o mundo real."

"Existe a bolha da rede social, que precisa ser respeitada, ouvida e respondida, e nessa bolha vive o presidente da república. Paralelo a isso existe um país real e que precisa ser governado, e o presidente precisa ouvir também as ruas, e o que as ruas querem neste momento são saídas saudáveis, inteligentes, possíveis para essa crise que está batendo na porta de todo mundo", completou.

Tebet afirmou ainda que já estamos começando a ver o lado mais triste da crise e salientou que o Brasil já viveu de "boas intenções", o que precisa agora é de ações.

"Falamos em 12 milhões de desempregados, mas temos 40% da população que vive na informalidade. Fora aquelas que vivem de dádivas ou de bico. Estamos começando a ver o lado cruel dessa crise, e o presidente precisa entender, primeiro, que é hora de governar para todos, que de boa intenção o Brasil já teve muitos e que é importante, através do diálogo, achar saídas."

Política