PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Doria rebate Bolsonaro: "chama de gripezinha e eu que sou lunático?"

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB) - Marivaldo Oliveira/Código19/Estadão Conteúdo
O governador de São Paulo, João Doria (PSDB) Imagem: Marivaldo Oliveira/Código19/Estadão Conteúdo

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/03/2020 23h03

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), rebateu o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) com um post no Twitter na noite deste sábado (21). Após ser chamado de "lunático" pelo chefe do Executivo federal em entrevista ao canal CNN Brasil, Doria cobrou liderança de Bolsonaro.

"Jair Bolsonaro chama coronavírus de gripezinha e eu que sou lunático? Lidere seu país, presidente. Faça seu papel. Os governadores do Brasil estão fazendo o seu", escreveu o tucano no Twitter. O presidente tinha atacado o governador de São Paulo horas antes. "Está fazendo cálculo político neste caso. Lamento a posição dele, fazer política para se promover", disse Bolsonaro.

Doria já havia cutucado Bolsonaro citando mais cedo a fala do presidente, que na sexta-feira (20) tratou a covid-19 como "gripezinha" em uma entrevista coletiva na qual teve que responder sobre os testes de coronavírus aos quais já foi submetido. "É imperdoável que minimizem dizendo que é só uma gripezinha", disse o governador paulista.

"Vejo com decepção e tristeza [a declaração de Bolsonaro]. Como governador de estado, gostaria de ter um presidente que liderasse o país em uma crise como esta. Fico triste, enquanto cidadão. É triste que não tenhamos uma liderança capaz de liderar a sua equipe e acalmar os brasileiros. Não falo com viés político, mas com sentimento de brasileiro. Na ausência dessa liderança, governadores e prefeitos fazem o que Bolsonaro não consegue fazer", completou, na ocasião.

Coronavírus