PUBLICIDADE
Topo

RJ: Em meio a isolamento, deputado é detido após agredir policiais em festa

Imagens de TV mostram o deputado estadual do Rio de Janeiro Gustavo Schmidt (PSL) dentro de um carro de polícia - Reprodução/SBT
Imagens de TV mostram o deputado estadual do Rio de Janeiro Gustavo Schmidt (PSL) dentro de um carro de polícia Imagem: Reprodução/SBT

Afonso Ferreira

Do UOL, em São Paulo

27/03/2020 14h31

O deputado estadual do Rio de Janeiro Gustavo Schmidt (PSL) foi detido na madrugada de hoje sob a acusação de agredir dois policiais durante uma abordagem em Niterói, Região Metropolitana do Rio.

Ao UOL, a Polícia Militar do Rio de Janeiro não confirmou a identidade do deputado, disse apenas que o homem detido se identificou como parlamentar. No entanto, imagens do SBT Rio mostraram Schmidt visivelmente alterado e com as mãos amarradas para trás dentro de um carro da polícia.

A reportagem enviou e-mails para o diretório do PSL no Rio de Janeiro e para o gabinete do deputado, mas ainda não obteve resposta.

De acordo com a PM, policiais do 12º Batalhão (Niterói) foram acionados para verificar ocorrência de perturbação e som alto no bairro Camboinhas. No local, foi constatado que ocorria uma festa com aglomeração de pessoas —o que está proibido devido ao isolamento social por causa do risco de contágio pelo coronavírus.

A PM informou que ao tentar conversar com o responsável pela festa, um homem com comportamento alterado e identificando-se como parlamentar se aproximou dos policiais gritando e desferiu um soco em um deles, danificando os óculos do militar.

"Foi necessário contê-lo e, na condução para a delegacia, o indivíduo chutou outro policial tendo também proferido ofensas contra os policiais militares", afirmou a PM em nota.

O caso foi registrado na 76ª DP.

Coronavírus