PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Governador Hélder Barbalho revela estar com coronavírus e mostra exame

Do UOL, em São Paulo

14/04/2020 18h37Atualizada em 14/04/2020 19h49

O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), informou hoje que seu teste para o novo coronavírus deu positivo. Ele ainda disse que está bem, que segue trabalhando de casa e mostrou nas redes sociais o resultado do exame.

Assim como o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), que testou positivo hoje mais cedo para a covid-19, Barbalho ainda pediu para que todos fiquem em casa e se cuidem.

"Como vocês sabem, parte da minha equipe deu positivo para coronavírus. No último sábado eu fiz o exame e deu inconclusivo. Depois fizemos uma contraprova e deu negativo. Mas recomendaram que eu fizesse um novo teste nesta terça-feira, e deu positivo", disse o político.

"Portanto, quero informar a população paraense e a todos que estou com coronavírus. Mas quero ao mesmo tempo tranquilizar, estou super bem, estou assintomático, tenho trabalhado desde sexta-feira de casa. A Daniela [Lima Barbalho, sua mulher] e as crianças estão bem".

Por fim, Barbalho fez um apelo para a população paraense e disse que o vírus não escolhe "idade nem classe social".

"E quero aproveitar para pedir para você: fique em casa. Esse vírus é extremamente contagioso. Ele não escolhe idade, classe social. Todo mundo está exposto e pode pegá-lo. Por isso faço o apelo, fique em casa e vamos juntos vencer o coronavírus. Quem ama cuida e quem cuida fique em casa", completou o governador.

O Pará contabiliza 323 casos confirmados de coronavírus, segundo os dados mais recentes do Ministério da Saúde. O governo informa que 19 pessoas já morreram no estado.

O Ministério da Saúde anunciou hoje que subiu para 1.532 o número de mortes pelo novo coronavírus no Brasil — são 204 óbitos confirmados nas últimas 24 horas. Até ontem, eram 1.328 mortes no total.

Este é o maior número de mortes confirmadas pelo Ministério da Saúde em um período de 24 horas. O recorde anterior no Brasil era de 141 mortes, divulgadas no dia 9 de abril.

Coronavírus