PUBLICIDADE
Topo

Morre Laudo Natel, ex-governador de SP e ex-presidente do São Paulo, aos 99

Ex-governador Laudo Natel morreu nesta segunda-feira (18) aos 99 anos - Marcos Bezerra/Futura Press/Estadão Conteúdo
Ex-governador Laudo Natel morreu nesta segunda-feira (18) aos 99 anos Imagem: Marcos Bezerra/Futura Press/Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

18/05/2020 13h09

Laudo Natel, ex-governador do estado de São Paulo e ex-presidente do São Paulo, morreu na manhã de hoje, aos 99 anos. A causa da morte não foi informada. Ele completaria 100 anos em setembro.

Natel foi eleito vice-governador do estado em 1962, por uma chapa independente, e assumiu o governo do estado por duas vezes durante o período da ditadura militar: entre 1966 e 1967, quando substituiu o então governador Ademar de Barros, cassado pela ditadura militar, e depois entre 1971 e 1975 quando foi eleito, de maneira indireta, pelo colégio eleitoral.

Ele tentaria voltar ao Palácio dos Bandeirantes por duas vezes, mas foi derrotado nas convenções: em 1978, pela Arena, Paulo Maluf, quando a eleição para o governo era indireta e sem opositores ao partido da ditadura, e em 1982, quando perdeu a indicação pelo PDS para o então prefeito de São Paulo Reynaldo de Barros, na primeira eleição direta para o Palácio dos Bandeirantes desde 1962 —Reynaldo perderia para Franco Montoro (então no PMDB).

Natel também foi presidente do São Paulo Futebol Clube. Foi na sua gestão que o clube adquiriu o terreno e viabilizou a construção do estádio do Morumbi. Mesmo em vida, batizou o Centro de Formação de Atletas Presidente Laudo Natel, em Cotia (Grande São Paulo),.

Segundo conselheiros do clube, as cerimônias de velório e enterro serão "íntimas e rápidas" e uma missa será realizada, ainda sem data, na sede do São Paulo Futebol Clube.

Política