PUBLICIDADE
Topo

Política

Esse conteúdo é antigo

Ministro da Justiça, Mendonça é submetido a cateterismo após mal-estar

10.jun.2020 - O ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça - Dida Sampaio / Estadão Conteúdo
10.jun.2020 - O ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça Imagem: Dida Sampaio / Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

13/09/2020 12h55Atualizada em 13/09/2020 16h45

O ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, de 47 anos, foi submetido a um cateterismo após sentir um mal-estar durante esta madrugada.

De acordo com a assessoria do ministério, Mendonça passa bem.

O ministro teve uma dor torácica e realiza alguns exames cardíacos, informou ainda a pasta.

O cateterismo tem duas funções: como exame, é geralmente utilizado para diagnosticar problemas nas artérias coronárias, como obstruções. Se alguma lesão ou coágulo é identificado, o mesmo cateter é utilizado para o envio de um stent, uma espécie de mola metálica que mantém as paredes da artéria abertas, evitando a interrupção de fluxo sanguíneo.

Mendonça foi escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para ocupar o cargo em abril deste ano, substituindo Sergio Moro. Antes da nomeação para a Justiça, ele comandava a AGU (Advocacia-Geral da União).

Jair Bolsonaro chegou ao hospital por volta das 16h15 para visitar Mendonça. O presidente permaneceu no local por cerca de 20 minutos e não falou com a imprensa na saída.

* Com informações de reportagem do VivaBem

Política