PUBLICIDADE
Topo

Política

Lula sobre queimadas: 'Não culpo Bolsonaro, mas a irresponsabilidade dele'

Queimadas assolam região do Pantanal no Mato Grosso do Sul - Divulgação/PrevFogo/MS
Queimadas assolam região do Pantanal no Mato Grosso do Sul Imagem: Divulgação/PrevFogo/MS

Do UOL, em São Paulo

15/09/2020 13h02

O ex-presidente Lula (PT) afirmou hoje que não acredita que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) seja responsável pelas queimadas no Pantanal.

"Eu não estou culpando o presidente Bolsonaro, mas estou culpando a irresponsabilidade dele de evitar que se torne tão grave quanto está se tornando", disse Lula em uma entrevista ao canal do Youtube DCM TV.

Lula defendeu ainda que o governo federal utilize as Forças Armadas para combater os incêndios. "As Forças Armadas tem pessoas para tomar conta disso, o Ibama já esteve mais preparado, as defesas civis dos estados estavam mais preparadas. Mas se você desmonta financeiramente as instituições, se você quebra um trato dessas instituições, eles ficam acéfalos, quase que abandonados no papel de enfrentar os incêndios", afirmou Lula.

De acordo com dados do Prevfogo (Centro Nacional de Prevenção e Combate aos incêndios florestais) do Ibama, mais de 2,3 milhões de hectares foram incendiados apenas no bioma do Pantanal em 2020.

Contra o perdão das igrejas

Lula disse também que ele é "totalmente contra essa isenção de impostos das igrejas, seja ela evangélica ou católica".

Ontem, Bolsonaro vetou o perdão a dívidas das igrejas que, entre outras pendências, devem R$ 868 milhões em débitos previdenciários. Logo em seguida, contudo, o presidente foi às redes sociais pedir que o Congresso derrube seu veto.

O ex-presidente destacou ainda que esse ponto "nunca foi uma pauta no meu governo". Lula disse que o perdão não é uma pauta relevante, na sua opinião.

Política