PUBLICIDADE
Topo

Política

Ex-ministro que minimizou covid-19, Osmar Terra é internado para observação

Osmar Terra foi Ministro da Cidadania do governo Bolsonaro - FATIMA MEIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
Osmar Terra foi Ministro da Cidadania do governo Bolsonaro Imagem: FATIMA MEIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Colaboração para o UOL

23/11/2020 09h10

Ex-Ministro da Cidadania, Osmar Terra minimizou a gravidade da covid-19 desde que a pandemia começou. Recentemente ele foi infectado pela doença e agora está internado para observação no Hospital da PUC, em Porto Alegre.

Osmar Terra anunciou que estava com covid-19 em 13 de novembro. Naquela oportunidade, ele disse que não tinha sintomas, mas começou a tomar hidroxicloroquina e ivermectina. Dez dias depois, o ex-ministro informou que precisará fazer novos exames e fisioterapia.

"Estou fazendo exames de avaliação e fisioterapia complementar no tratamento da Covid, no Hospital da PUC-RS, visando acelerar volta ao trabalho o mais breve possível", afirmou Osmar Terra no Twitter.

As declarações de Terra sobre covid-19 sempre causaram polêmica. Em março, ele disse que os números da pandemia seriam menores que os casos de H1N1 no Brasil. Isso já foi superado, pois o país teve 3.500 casos de H1N1, mas já tem mais de 6 milhões de casos de covid-19.

Depois Osmar Terra tentou adivinhar quando seria o pico da pandemia e estipulou várias datas, que não se concretizaram. Por fim, o ex-ministro passou a defender o uso da hidroxicloroquina para curar a covid-19, algo que não tem eficácia comprovada por cientistas.

Política