PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
1 mês

RS: Câmera de segurança flagra arrombamento de gabinete de prefeito baleado

Hygino Vasconcellos

Colaboração para o UOL, em Chapecó (SC)

11/04/2021 12h36

Imagens de câmera de segurança mostram o momento em que o gabinete do prefeito de Itapuca (RS), Marcos José Scorsatto (DEM), é arrombado na tarde da última sexta-feira (9). A entrada foi violada após um disparo de arma de fogo ser ouvido de dentro da sala. O político foi atingido no pulmão e segue hospitalizado em estado estável.

Na gravação, disponibilizada pela Polícia Civil e sem áudio, é possível visualizar no corredor o irmão do prefeito e secretário de saúde Flávio Scorsatto. Ele caminha para acessar a sala da administração, ao lado do gabinete do prefeito, mas para ao ouvir o estampido. O secretário de saúde vai até a porta vizinha e percebe que está fechada.

Um outro homem também sai de outra sala, em frente ao gabinete do prefeito, assustado com o barulho. O irmão do prefeito tenta primeiro arrombar a porta com a lateral do corpo, sem resultado. Em seguida, ele e o outro homem se alternam a chutar a porta até conseguir abrir. Com o barulho, outras quatro pessoas se aproximam para ver o que está acontecendo.

Dali, o político foi levado até um hospital em Arvorezinha, a 20 km de distância, sendo transferido depois para o Hospital São Vicente de Paulo, em Passo Fundo, a 81 km de distância de Itapuca.

Apuração inicial da polícia aponta que o prefeito estaria sozinho no gabinete. "Não se descarta que venha alguma prova nova, algum indicativo que aponte a participação de outra pessoa. Mas até o presente momento as duas principais linhas de investigação são disparo acidental ou uma tentativa de autolesão", complementa a delegada Alice Jantsch, responsável pela investigação.

O prefeito adquiriu há cerca de dois meses uma pistola .380, porém, ainda não se sabe se é a mesma do disparo de sexta-feira à tarde. Durante o percurso até o hospital, a arma teria sido extraviada, conforme a delegada. "Durante o salvamento, eles acabaram pegando a arma junto com o corpo, mas não se sabe se a arma caiu durante o transporte. Só poderemos confirmar que se tratava da mesma arma depois que fizermos o confronto de estojo (da bala encontrada) com a arma."

O pouco tempo de aquisição da arma reforça a hipótese de um disparo acidental, entende Aline. "As pessoas não sabem mexer muito bem e no afã de conhecer, de manusear, acabam muitas vezes se machucando."

Não foram encontrados sinais de arrombamento no gabinete, além do provocado pelo irmão do prefeito. Após o incidente, o local foi periciado. Oficialmente, a prefeitura ainda não se manifestou sobre o caso, mas o vice-prefeito, Tulio Paludo (PP), deve assumir interinamente o cargo.

Scorsatto está em seu terceiro mandato de prefeito. Nas eleições do ano passado, conseguiu ser reeleito com uma diferença de apenas um voto. Foram 814 votos (49,07% do total) para o prefeito reeleito e 813 votos (49,01%) para o segundo colocado.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do informado inicialmente no vídeo desta reportagem, o prefeito não morreu, ele foi ferido pelo tiro e segue internado. O conteúdo foi corrigido.

Política