Conteúdo publicado há 4 meses

Josias: Lula achou boa ideia visitar símbolo da era da corrupção petista

A visita do presidente Lula (PT) à refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco, é uma tentativa de transformar uma "velha lambança" em "grande realização", disse o colunista do UOL Josias de Souza no UOL News desta quinta (18).

A história do empreendimento é marcada não só por escândalos de corrupção e mau uso do erário, mas também pela mudança de curso. Inicialmente seria uma sociedade da Petrobras com a PDVSA, a petroleira venezuelana, em acordo assinado por Lula, em seu primeiro mandato, e Hugo Chávez.

Há aspectos políticos e econômicos. Lula está com o ponteiro da aprovação estagnado nas pesquisas e o da desaprovação com ligeiro viés de alta. Ele ouviu o toque do alarme da impopularidade depois de dar a volta ao mundo para anunciar que o Brasil voltou, ele concluiu que deveria circular internamente porque estamos em um ano de eleição municipal.

Ele inicia esse novo ciclo com o pé esquerdo e achou que seria uma boa ideia enfiar o sapato no lodo. Essa primeira incursão do Lula inclui essa visita à refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco. Essa refinaria é o símbolo da era da corrupção petista, que nasceu no primeiro mandato de Lula, seria construída em uma parceria com a Venezuela, foi orçada em US$ 2 bilhões e sem um mísero tostão do Hugo Chávez, que deu no pé, a obra ficou pela metade e custou dez vezes mais. Foram torrados US$ 20 bilhões. Houve um estouro de US$ 18 bilhões, que significa R$ 90 bilhões.

Lula vai a Pernambuco anunciar que decidiu, em seu terceiro mandato, concluir a segunda etapa da refinaria Abreu e Lima [...] Pode-se alegar que concluiu uma obra superfaturada, para evitar a potencialização do prejuízo. Bolsonaro tentou vender a refinaria e não conseguiu, porque não apareceu gente interessada em comprar.

A tentativa de transformar uma velha lambança em uma grande realização é coisa de um presidente que está encantado consigo mesmo.

O UOL News vai ao ar de segunda a sexta-feira em duas edições: às 10h, com apresentação de Fabíola Cidral, e às 17h, com Diego Sarza. O programa é sempre ao vivo.

Quando: De segunda a sexta, às 10h e 17h.

Onde assistir: Ao vivo na home UOL, UOL no YouTube e Facebook do UOL.

Continua após a publicidade