PUBLICIDADE
Topo

Wajngarten diz que fez 1º teste para o coronavírus logo após voltar dos EUA

5.fev.2020 - O chefe da Secom, Fabio Wajngarten, ao lado do presidente Jair Bolsonaro no Palácio da Alvorada -
5.fev.2020 - O chefe da Secom, Fabio Wajngarten, ao lado do presidente Jair Bolsonaro no Palácio da Alvorada

Do UOL, em São Paulo

13/03/2020 10h17

O secretário de Comunicação da Presidência, Fábio Wajngarten, usou as redes sociais hoje para esclarecer os passos adotados desde que teve as primeiras suspeitas de estar com covid-19, causada pelo novo coronavírus. Ontem, foi confirmado que ele está com a doença.

De acordo com Wajngarten, ele avisou os integrantes da comitiva que foi aos Estados Unidos assim que sentiu os primeiros sintomas de mal-estar. Na volta para São Paulo, ele diz ter saído direto do aeroporto para o Hospital Albert Einstein, onde fez o primeiro exame.

Com a confirmação, ele afirma ter avisado a Presidência da República, colocado-se em quarentena e adotado recomendações médicas. Todas as etapas, segundo ele, foram comunicadas às autoridades.

"Qualquer outra ilação é mais uma fake news de parte da mídia", escreveu o secretário de comunicação.

Coronavírus