PUBLICIDADE
Topo

Sem dados, Bolsonaro diz que tratamento para covid-19 dá bons resultados

Colaboração para o UOL, em São Paulo

25/03/2020 15h39

O presidente Jair Bolsonaro voltou a falar em um tratamento para a covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, com o uso de medicamentos como hidroxicloroquina e azitromicina. Em uma mensagem publicada no Twitter, Bolsonaro disse que os testes têm se mostrado eficazes, mas não apresentou dados que comprovem a eficiência.

Bolsonaro prometeu que "nos próximos dias, tais resultados poderão ser apresentados ao público, trazendo o necessário ambiente de tranquilidade e serenidade ao Brasil e ao mundo". Um estudo da Universidade de Zhejiang, na China, afirmou que a cloroquina, que é um remédio utilizado no tratamento da malária, não é mais eficiente que os cuidados básicos e higiene contra o coronavírus.

Além disso, o presidente também disse que chega ao Brasil um teste capaz de informar ao paciente se ele já foi contaminado pelo coronavírus e curado. Bolsonaro afirmou que "esses imunizados poderiam circular livremente com mais tranquilidade como, por exemplo, profissionais de saúde, segurança, transporte, etc".

No entanto, isso não é algo confirmado pelos especialistas. Segundo um virologista espanhol, pelo menos 14% dos pacientes que já tiveram coronavírus voltaram a ter resultado positivo para covid-19. O resultado intriga cientistas, que buscam descobrir se isso demonstra novas infecções, ou "recuperações" do vírus.

Coronavírus