PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Coronavírus: Bebê de 1 mês e idoso de 95 anos têm alta no mesmo dia no TO

Bebê de um mês recebe alta em hospital após ser infectada por covid-19 - Divulgação/Governo do Tocantins
Bebê de um mês recebe alta em hospital após ser infectada por covid-19 Imagem: Divulgação/Governo do Tocantins

Aliny Gama

Colaboração para o UOL, em Maceió

28/05/2020 18h08

O estado do Tocantins registrou a alta de dois pacientes com idades mínima e máxima recuperados de covid-19, infecção causada pelo novo coronavírus, ontem. A bebê Débora Cristhina, de apenas um mês, e o idoso Tomas Pereira da Mata, 95, conseguiram se curar da doença e receberam alta dos hospitais que estavam internados, em Palmas e Gurupi (TO), respectivamente. A saída deles foi comemorada pelas famílias e equipes médicas.

A pequena Débora Cristhina saiu do hospital Dona Regina, em Palmas, vestida de mulher maravilha e foi aplaudida pelos profissionais da unidade de saúde, que ficaram no corredor com bolas de festa. Ela foi o primeira bebê com diagnóstico positivo para covid-19 no Tocantins.

A mãe da bebê, Alessandra Pereira Salviano, conta que a família ficou em choque ao ser informada que a menina estava com covid-19 no hospital. Débora nasceu de parto prematuro e precisou ficar dez dias na UTI Neonatal e, no dia que iria receber alta, foi diagnosticada com o novo coronavírus.

A menina ficou por 22 dias internada no hospital, sendo 14 dias isolada, e os pais só tinham acesso a imagens feitas pela equipe médica que cuidou dela. Passado o risco de contágio, a mãe pôde acompanhar a recuperação da filha na unidade canguru. Ontem, chegou o dia esperado para toda a família.

Mãe e filha viajaram para o município de Novo Acordo (TO), a 115 km de Palmas. A chegada da menina foi uma nova festa com a família. "Ficamos muito assustados com a notícia que nossa filha estava com covid-19 porque ninguém da nossa família pegou essa doença. Me desesperei chorando e entreguei a Deus a recuperação dela. Hoje, estamos aqui com todo cuidado, sem receber visitas", contou Salviano.

Casal infectado

A luta contra a covid-19 durou 20 dias para o idoso Tomas Pereira da Mata. Aos 95 anos de idade, ele conseguiu se curar da doença, após quase três semanas internado no hospital regional de Gurupi (TO), e recebeu alta ontem.

Mata viajou em uma ambulância para o município de Cariri do Tocantins (TO), a 234 km de Palmas, onde mora com a mulher, Maria Teodoro de Nazaré, 80.

Bebê de 1 mês e idoso de 94 anos se recuperam de covid-19 e recebem alta no mesmo dia no TO - Divulgação/Prefeitura de Gurupi - Divulgação/Prefeitura de Gurupi
Idoso será acompanhado pela equipe médica do município durante a recuperação em casa
Imagem: Divulgação/Prefeitura de Gurupi

O casal foi infectado pelo novo coronavírus, mas apenas o idoso precisou de atendimento hospitalar. Ele apresentou pneumonia persistente a antibióticos e foi realizado o teste para o novo coronavírus. Ele ficou em um leito clínico, em isolamento.

A mulher dele cumpre quarentena domiciliar e apresentou sintomas leves da doença.

O idoso será acompanhado pela equipe médica do município durante a recuperação em casa, pois ele ainda necessita de cuidados devido aos dias que ficou internado.

"Estamos muito gratos e emocionados. Ele deu entrada na nossa UBS há 20 dias, onde apresentou uma pneumonia. Realizamos aqui o tratamento inicial, como observei que não havia melhora do quadro após uso de antibióticos, solicitamos o teste de covid-19, que confirmou positivo. Como é um paciente de risco pela idade, com comorbidade, encaminhamos para o hospital de referência, para melhor ser assistido. E hoje, graças a Deus e aos esforços de todos os profissionais, recebeu alta", explica a médica Andreia Bastos.

Ao saber da alta médica de Mata, os familiares comemoraram, e logo um neto viajou para Gurupi para acompanhá-lo no retorno para casa. "O sentimento é gratidão, coração aliviado e grato. Não poderia deixar de agradecer, em nome da minha família, a todos os profissionais da saúde de Cariri e do HRG que se dedicaram aos cuidados do meu avó. Neste período de 15 dias, ele não pôde receber visitas, nem contato. Nossa família está feliz e grata", agradeceu o neto dele, Walisson Oliveira Sampaio.

O Tocantins registrou 65 mortes de pessoas com covid-19 e 3.023 infectados pelo novo coronavírus, sendo que 2.034 pacientes estão ainda em tratamento em casa ou hospital. Os dados são do boletim epidemiológico divulgado ontem pelo governo do Estado. No Brasil, 25.598 pessoas morreram vítimas da doença e 411.821 foram infectadas pelo novo coronavírus, segundo o Ministério da Saúde.

Coronavírus