PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Esse conteúdo é antigo

São Paulo fará testes rápidos de covid-19 em asilos e na Fundação Casa

Do UOL, em São Paulo

04/06/2020 13h13

O governo de São Paulo vai começar hoje a realizar testes rápidos de covid-19 na Fundação Casa e em asilos. O anúncio foi feito hoje em entrevista coletiva do Comitê de Contingência no Palácio dos Bandeirantes.

De acordo com o governo, a Fundação Casa tem 138 unidades e 4.8 mil internos. Além disso, o estado tem 552 asilos.

"Por trás disso tem todo um esquema para tomar medidas de casos infectados. Dentro de cada instituição, mesmo procedimento: isolamento de casos, identificação de contatos, teste dos contatos dos funcionários que tem contato com o exterior. Tem todo um atendimento, principalmente os asilos. Em alguns já tivemos mortes. Precisa de uma ação especial de atendimento para essas populações", disse o diretor do Instituto Butantan e membro do Comitê de Contingência, Dimas Covas.

O governo também disse que já realizou 70 mil testes rápidos em funcionários da segurança pública e familiares, como policiais e bombeiros. Profissionais da saúde também começaram a fazer exames. De acordo com Dimas Covas, a taxa de pessoas que adquiriram imunidade ao vírus é em torno de 20%.

"A própria polícia disse ontem que tem três mil servidores em afastamento. Fizemos o teste rápido em torno de 70 mil funcionários e familiares. Temos uma boa representação, é o maior estudo já feito no Brasil em termos de números. Essa população está mais exposta. A taxa dessas pessoas que já adquiriram imunidade é em torno de 20%", disse.

Coronavírus