PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Esse conteúdo é antigo

Ceará prorroga decreto de isolamento, e 5 cidades entram em regime rígido

Governo do Ceará inaugura 25 leitos de campanha contra o coronavírus anexados ao Hospital São José, em Fortaleza - Divulgação
Governo do Ceará inaugura 25 leitos de campanha contra o coronavírus anexados ao Hospital São José, em Fortaleza Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

27/06/2020 23h06

O governador Camilo Santana (PT) renovou hoje o decreto que estabelece as medidas restritivas no Ceará em decorrência da pandemia do novo coronavírus. Cinco municípios terão suas regras endurecidas: Barbalha, Crato, Brejo Santo, Tianguá e Iguatu. As cidades de Juzeiro do Norte e Sobral já estavam inclusas nas normas mais rígidas para evitar a circulação de pessoas.

A capital Fortaleza vai permanecer na segunda fase da "abertura responsável" das atividades comerciais, conforme nota publicada pelo governo cearense.

"Alerto aos cearenses que não podemos relaxar. A pandemia continua e é grave. Embora com a melhora dos números em regiões como a de Fortaleza, devemos estar muito atentos naquelas regiões onde os indicadores mais preocupam, como Norte e Cariri", disse o governador em suas redes sociais hoje.

Santana afirmou que hoje 300 respiradores chegaram ao governo do estado comprados da China, e que a maior parte será direcionada aos municípios do interior. "Serão importantíssimos nessa nossa luta para salvar vidas", escreveu o petista.

Coronavírus