PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
1 mês

Com 93% de UTIs ocupadas, PE proíbe atividades não essenciais das 20h às 5h

"O cenário se agravou, e nada aponta para a melhora desse quadro", lamentou o governador Paulo Câmara (PSB) - Reprodução/Facebook
"O cenário se agravou, e nada aponta para a melhora desse quadro", lamentou o governador Paulo Câmara (PSB) Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

01/03/2021 18h01Atualizada em 01/03/2021 18h15

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), anunciou hoje a proibição das atividades não essenciais de segunda à sexta, das 20h às 5h, e aos finais de semana, além do fechamento de clubes, praias e parques aos sábados e domingos. As novas restrições têm início na quarta-feira (3) e valem para todo o estado.

Aos finais de semana, apenas serviços essenciais — como supermercados, farmácias e postos de gasolina, por exemplo — estarão autorizados a funcionar. Restaurantes ainda podem operar, mas somente por delivery ou "take-away" (pegar e levar), estando proibido o consumo no local.

Nas praias, especificamente, só será permitida a prática de atividades esportivas individuais. Os banhos de sol e de mar só estão liberados de segunda à sexta — mas respeitando as medidas de prevenção, como evitar aglomerações, manter o distanciamento social e usar máscara sempre que estiver fora da água.

As novas restrições são válidas por 14 dias, até 17 de março.

"Passamos todo o final de semana monitorando os dados da pandemia. O trabalho continuou nesta segunda-feira, 1º de março, e infelizmente o cenário só se agravou, mesmo com a abertura de leitos de UTI. Estamos agora com 93% de ocupação nos nossos leitos de terapia intensiva, e nada aponta para a melhora desse quadro", disse o governador em pronunciamento.

Câmara ainda anunciou para amanhã a abertura de 18 novos leitos de UTI no Hospital Agamenon Magalhães, no Recife. Até o final desta semana, afirmou, serão 50 novas vagas.

O governador deve ir amanhã à Brasília para negociar a compra direta da vacina Sputnik V, desenvolvida pelo Instituto Gamaleya, na Rússia, ainda sem aprovação para uso — emergencial ou definitivo — no Brasil. Segundo Câmara, o objetivo é "buscar todas as possibilidades existentes para ampliar a imunização de todos os pernambucanos e pernambucanas".

Pernambuco ultrapassou hoje a marca de 300 mil casos confirmados de covid-19 desde o início da pandemia, com 629 novos diagnósticos registrados nas últimas 24 horas. Já o número de mortes subiu para 11.007, 11 a mais do que o contabilizado até ontem.

Coronavírus