PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
7 meses

SP tem 19 hospitais com 100% das UTIs ocupadas, e secretaria critica União

No estado, segundo a Secretaria de Saúde, 25 hospitais ultrapassaram hoje a marca de 95% de ocupação das UTIs - Tarso Sarraf/Estadão Conteúdo
No estado, segundo a Secretaria de Saúde, 25 hospitais ultrapassaram hoje a marca de 95% de ocupação das UTIs Imagem: Tarso Sarraf/Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

09/03/2021 22h26Atualizada em 10/03/2021 08h28

Com o recrudescimento da pandemia em São Paulo, ao menos 15 hospitais estaduais têm registrado ocupação máxima de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) diariamente. Hoje, segundo a Secretaria Estadual de Saúde, 25 unidades alcançaram ocupação superior a 95%, sendo que 19 delas chegaram a 100% — o que também dificulta a realização de transferência de pacientes.

A pasta diz que o governo do estado "tem feito sua parte ao lado dos municípios". Em nota ao UOL, a Secretaria lembrou que foram anunciados 780 novos leitos de UTI desde o início de março, com instalação prevista para os próximos 20 dias, além de 11 novos hospitais de campanha que se somarão aos quatro já existentes.

O problema, porém, é a falta de recursos por parte do governo federal, ainda segundo a pasta.

"O SUS de São Paulo continua sofrendo pela omissão do governo federal no financiamento de leitos de UTI. No estado, o Ministério financia apenas 678 leitos de UTI dos 5,1 mil ativados na pandemia. Ainda assim, mesmo com decisão do STF [Supremo Tribunal Federal], a União ainda não repassa integralmente os recursos", disse a Secretaria, fazendo referência à determinação do Supremo que obrigou o governo federal pague por leitos em São Paulo, Maranhão e Bahia.

É preciso o apoio de toda a população para reduzir a sobrecarga no SUS e o número de mortes. Todos devem seguir os protocolos sanitários, com uso de máscaras, higienização das mãos, distanciamento social e respeito a fase vermelha do Plano São Paulo.
Secretaria Estadual de Saúde, em nota ao UOL

As unidades que hoje estão próximas da ocupação máxima dos leitos de UTI são o Hospital Regional de Piracicaba (96,7%), o Hospital Geral de Vila Penteado (95,6%), o Hospital Estadual Mário Covas (95,1%), o Hospital Regional de Presidente Prudente (95,1%), o Hospital Estadual de Francisco Morato (95%) e o Hospital Regional de Sorocaba (95%).

Já as que atingiram 100% de ocupação são:

Capital

  • Hospital Estadual Vila Alpina
  • Hospital Geral de São Mateus
  • Hospital Ipiranga
  • Hospital Geral Santa Marcelina do Itaim Paulista
  • Hospital Geral de Guaianases
  • Hospital Geral de Taipas
  • Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia
  • Hospital Estadual de Sapopemba

Interior e Grande São Paulo

  • Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos
  • Complexo Hospitalar Padre Bento de Guarulhos
  • Hospital Geral de Itapecerica da Serra
  • Hospital Geral de Pedreira
  • Hospital Estadual Américo Brasiliense
  • Hospital Estadual de Bauru
  • Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB)
  • Hospital Geral de Promissão
  • Hospital Estadual de Sumaré
  • Hospital Regional de Assis
  • Conjunto Hospitalar de Sorocaba

Coronavírus