PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
15 dias

SP: Capital vacina idosos com 64 anos na 6ª; drive-thrus terão só 1ª dose

Serão 19 postos drive-thru abertos nesta sexta-feira (23) para a vacinação. O posto do Estádio do Morumbi estará fechado por causa do jogo do São Paulo pelo Campeonato Paulista - Divulgação/Governo do Estado de São Paulo
Serão 19 postos drive-thru abertos nesta sexta-feira (23) para a vacinação. O posto do Estádio do Morumbi estará fechado por causa do jogo do São Paulo pelo Campeonato Paulista Imagem: Divulgação/Governo do Estado de São Paulo

Do UOL, em São Paulo

22/04/2021 19h48Atualizada em 22/04/2021 20h05

A cidade de São Paulo começa a vacinar contra a covid-19 amanhã (23) uma nova faixa etária dos grupos prioritários. Na capital, receberão a primeira dose idosos com 64 anos ou mais. Os postos drive-thru seguirão abertos, mas aplicam apenas a primeira dose, enquanto a segunda dose será aplicada exclusivamente em UBSs (Unidade Básica de Saúde) e SAEs (Serviço de Assistência Especializada), que também terão a primeira dose.

O esquema de vacinação nesta sexta-feira será diferente do que foi realizado ontem (21), no feriado de Tiradentes. Na data, a capital iniciou a imunização de mais uma faixa etária — pessoas com 65 e 66 anos —, mas preferiu aplicar apenas a primeira dose em toda a estrutura de vacinação. Além disso, a campanha de vacinação contra a gripe também foi suspensa no feriado.

A gestão do prefeito Bruno Covas (PSDB) afirmou que a decisão foi tomada para evitar aglomerações nos postos de vacinação. A opção confundiu pessoas que precisavam tomar a dose de reforço da CoronaVac, que prevê um intervalo de 14 a 28 dias entre as duas doses.

Amanhã, serão aplicadas doses tanto da CoronaVac como da vacina da AstraZeneca/Oxford, que por ter um intervalo entre as doses de 90 dias ainda não tem pessoas aptas a receberem a dose de reforço. No entanto, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), já afirmou que as atuais faixas etárias serão imunizadas, em sua maioria, com a vacina de Oxford.

A cidade de São Paulo tem a expectativa de vacinar 112 mil pessoas com 64 anos. Ontem, a prefeitura afirmou ter aplicado 120.964 doses, sendo 104.875 destas de primeira dose. O número corresponde a 51% do público estimado pela Secretaria de Saúde Municipal para idosos com 65 e 66 anos, de 205 mil pessoas.

Drive-thru do Morumbi fechado

Nesta sexta, a cidade terá 468 UBSs, 15 SAEs, três centros-escola e 19 postos drive-thru abertos para a vacinação contra a covid-19. O posto para vacinação dentro de veículos no Estádio do Morumbi estará fechado, excepcionalmente, por causa do jogo de futebol entre São Paulo e Santo André, pelo Campeonato Paulista.

As UBSs funcionam das 7h às 19h, enquanto os SAEs estarão abertos das 8h às 17h. Os drive-thrus funcionam das 8h às 17h, e os centros-escola têm horários diferenciados entre si. É possível checar todas as informações sobre a vacinação na página Vacina Sampa, da Prefeitura de São Paulo.

A gestão municipal recomenda que todos façam o pré-cadastro no site Vacina Já para agilizar o atendimento. A prefeitura também pede que a população tente ir de maneira gradual aos postos, evitando aglomerações.

Coronavírus