PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

SP e RJ atingem menores índices de internação por covid-19 no ano

15.jul.2021 -  Atendimento de pacientes na UTI Covid do Hospital de Campanha AME Barradas, em Heliópolis, na zona sul de São Paulo - Mister Shadow/Estadão Conteúdo
15.jul.2021 - Atendimento de pacientes na UTI Covid do Hospital de Campanha AME Barradas, em Heliópolis, na zona sul de São Paulo Imagem: Mister Shadow/Estadão Conteúdo

Thaís Augusto e Lola Ferreira

Do UOL, em São Paulo e no Rio

09/10/2021 18h44Atualizada em 09/10/2021 18h44

O estado de São Paulo registrou hoje 4.200 internados por covid-19. É o menor número em 18 meses, segundo informou o governo paulista.

Já no Rio de Janeiro, esta foi a semana com a menor taxa de ocupação no ano das UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) voltadas a pacientes com covid: 43%.

A redução dos índices acontece em meio ao avanço da vacinação nesses estados. O Rio tem 42,70% da população completamente vacinada contra a covid-19. Em São Paulo, esse índice é de 60,59%. Os dados são do consórcio de imprensa, do qual o UOL faz parte.

Segundo o governo de São Paulo, marca inferior aos 4.200 internados foi atingida em 5 de abril de 2020, quando eram 4.079 pacientes.

No estado do Rio, a última semana em que a taxa de ocupação dos leitos de UTI para tratamento da doença não passou de 50% foi em outubro do ano passado. Naquela ocasião, a semana terminou com 40% dos leitos de UTI covid ocupados.

O Rio tem, de acordo com o Painel de Monitoramento da SES (Secretaria de Estado de Saúde), 754 pessoas internadas nesse tipo de leito.

Hoje o Rio registra 17% dos leitos de enfermaria para covid-19 ocupados, com 420 internados. É o menor índice de todo ano. Em toda a pandemia, a taxa mais baixa de ocupação para esse tipo de leito foi de 6%.

Em São Paulo, são 2.045 pessoas hospitalizadas em UTI e 2.185 em enfermaria. Se comparado com os dados da segunda onda, quando 31 mil pacientes estavam internados em São Paulo, o balanço atual é pouco mais de seis vezes menor.

As taxas de ocupação dos leitos de UTI também estão entre as menores de toda a pandemia, com 31,2% no estado e 38,7% na Grande São Paulo.

Desde o início da pandemia, o estado de São Paulo registrou 4.382.863 casos. Desses, 4.202.104 já estão recuperados, incluindo 451.892 pessoas internadas que receberam alta hospitalar. Outras 150.728 morreram.

Coronavírus