General russo é detido por roubar estrada

Em Moscou

Um alto funcionário da administração carcerária russa, o general Alexandre Protopopov, foi detido por ter roubado placas de cimento que formavam um trecho de 50 km de estrada, informou nesta quarta-feira (13) um comitê de investigação.

O general Protopopov, responsável pelo serviço carcerário da República de Komis (norte), é acusado de "desvio de bens públicos em grande escala" e "abuso de poder", e pode ser condenado a até 10 anos de prisão, revelou o comitê.

O general foi detido com a ajuda dos serviços russos de segurança (FSB) em sua residência, assim como alguns colaboradores, informou a mesma fonte.

Segundo a investigação, Protopopov é suspeito do roubo de aproximadamente 7.000 placas de cimento da estrada que passa próximo ao campo de detenção desta república, para revendê-las através da mesma companhia que realizava as obras.

Um dirigente da construtora, Ramal Djabbarly, o vice de Protopopov, Valéri Ivanov, e o diretor do campo de detenção, Roman Korjov, também foram acusados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos