Irã e China querem ter relações estratégicas, afirma Rohani

Teerã, 23 Jan 2016 (AFP) - Irã e China decidiram estabelecer "relações estratégicas" a longo prazo, afirmou neste sábado o presidente iraniano Hassan Rohani em Teerã, durante uma visita oficial do colega chinês Xi Jinping.

"Conversamos hoje sobre as relações estratégicas entre os países, sobre a redação de um documento ampliado de (cooperação que cubra) 25 anos", declarou Rohani durante uma entrevista coletiva conjunta com Xi Jinping.

Os dois também falaram sobre o projeto de "levar o nível das relações (econômicas) a um nível de 600 bilhões de dólares em 10 anos", destacou o presidente iraniano.

A China é um importante sócio comercial do Irã e o maior importador de petróleo iraniano. O comércio entre os países alcançou 52 bilhões de dólares e, 2014.

O presidente chinês iniciou na terça-feira na Arábia Saudita uma viagem à região com o objetivo de reforçar a presença econômica do gigante asiático no Oriente Médio.

Na quinta-feira, Xi assinou contratos com o Egito por de bilhões de dólares, também como parte da estratégia de reforçar a presença econômica de seu país na região.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos