Obama diz que Guantánamo enfraquece a segurança nacional

Washington, 23 Fev 2016 (AFP) - O presidente Barack Obama afirmou nesta terça-feira que a prisão de Guantánamo prejudica a imagem dos Estados Unidos e enfraquece sua segurança nacional, em pronunciamento em que apresentou um plano para o fechamento do controvertido centro militar em Cuba.

"Há muitos anos ficou claro que o centro de detenção da baía de Guantánamo não faz nossa segurança nacional avançar. Ele a enfraquece", afirmou Obama na Casa Branca.

Defendendo sua posição posição de fechar a base militar de Guantánamo, afirmou que já é hora de acabar com um centro de detenção que trai os interesses e valores dos Estados Unidos.

"Trata-se de encerrar uma capítulo em nossa história. Reflete as lições que aprendemos desde o 11 de setembro, lições de que precisamos para guiar nossa nação para o futuro", afirmou Obama ao revelar seu plano para o fechamento da base.

arb/jm /cn

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos