Três alemães são detidos por pichar metrô de Santiago

Santiago, 23 Fev 2016 (AFP) - Os alemães Nemec Olivier, Staben Olivier e Gustavel Florian foram detidos pela Polícia chilena, nesta terça-feira, por picharem um vagão do metrô de Santiago.

Os três, que entraram no país em 16 de fevereiro passado, foram detidos de madrugada no interior do túnel da linha 1 do metrô de Santiago, depois de serem captados pelas câmeras de segurança do local, pichando com spray um dos vagões do metrô.

O trio foi liberado depois de 12 horas de audiência de notificação de acusações e prévio pagamento de uma multa de 600.000 pesos (859 dólares), confirmou à AFP uma fonte judicial.

Depois do episódio, o Departamento de Estrangeiros, órgão subordinado ao Ministério do Interior chileno, poderá decretar a expulsão dos três jovens alemães.

Como prova, a Polícia chilena mostrou à imprensa sete latas de spray e uma câmera, com a qual os detidos pretendiam gravar sua ação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos