Quase 200 proprietários de automóveis abrem processo contra VW nos EUA

Washington, 24 Fev 2016 (AFP) - Quase 200 pessoas provenientes dos 50 estados americanos apresentaram uma denúncia coletiva contra a Volkswagen, no caso dos motores adulterados em seus veículos a diesel.

"É um dos delitos mais flagrantes cometidos por uma empresa na história, um relato construído sobre a vontade de querer ganhar a qualquer preço", disseram os 174 proprietários da Volkswagen na ação judicial.

Esse processo se soma às acusações das autoridades americanas contra a fabricante alemã por ter instalado em 600.000 veículos a diesel vendidos nos Estados Unidos um dispositivo capaz de falsificar a quantidade de gases poluentes emitidos.

A Volkswagen corre o risco de enfrentar uma multa de dezenas de milhões de dólares.

Segundo a denúncia, o grupo alemão usou seus clientes como "fantoches". Os demandantes exigem um programa de recompra de veículos além de perdas e danos "significativos".

A VW enfrenta processos em vários países depois de ter reconhecido a instalação do software fraudulento em 11 milhões de carros no mundo para que parecessem menos poluentes do que eram.

jt/jld/vog/tm/fj/cc/mvv

VOLKSWAGEN

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos