Babá que decapitou menina de 4 anos é presa na Rússia

Moscou, 29 Fev 2016 (AFP) - Uma babá foi detida nesta segunda-feira em Moscou por decapitar uma menina de 4 anos e depois incendiar o apartamento em que se encontravam.

O corpo da criança com indícios de morte violenta foi achado em um apartamento no noroeste de Moscou, segundo a comissão local que investiga delitos penais.

"O corpo foi decapitado. Segundo as primeiras informações, a babá levou a cabeça", afirmou uma fonte da segurança à agência TASS.

A babá, que seria oriunda de um país da Ásia Central, também ateou fogo ao local.

Várias testemunhas mencionaram que a babá teria ameaçado explodir uma bomba ao ser presa, mas a TASS afirma que ela não tinha explosivos em seu poder.

"Ela tirou a cabeça de um saco enquanto andava pelas ruas aos gritos. Ninguém se aproximou porque estava com medo", contou uma testemunha.

A mãe da criança foi hospitalizada em estado de choque.

Segundo a Lifenews, uma cadeia conhecida por suas relações com os serviços secretos, a babá se chama Gultchekhra Bobokulova e foi presa perto de uma estação de metrô, com a cabeça da criança dentro de uma sacola plástica.

A Interfax assegura, por sua parte, que ela é oriunda do Uzbequistão, ex-república soviética da Ásia Central, de maioria muçulmana, e, segundo vários testemunhos, gritou "Alá é grande" quando foi presa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos