Preso irmão do ex-presidente colombiano Álvaro Uribe

Bogotá, 1 Mar 2016 (AFP) - O fazendeiro Santiago Uribe, irmão mais novo do ex-presidente e senador colombiano Álvaro Uribe, foi detido por homicídio e ligação com as milícias de extrema direita, informaram nesta segunda-feira fontes ligadas ao caso.

"Santiago Uribe foi detido às 13H00 local (15H00 Brasília) no bairro El Poblado de Medellín", capital do departamento de Antioquia, disse à AFP um funcionário da Procuradoria Geral.

"O procurador encontrou fundamentos para decretar a prisão por homicídio agravado e formação de quadrilha por supostos vínculos com o grupo paramilitar Los Doce Apóstoles" (Os Doze Apóstolos).

O irmão do ex-presidente é investigado há anos por seu envolvimento na criação dos Doze Apóstolos, grupo paramilitar apontado como o responsável por várias mortes em Antioquia há vinte anos.

Segundo a Promotoria, o grupo promovia uma "limpeza social", eliminando com o apoio da força pública os cidadãos com supostas relações com as guerrilhas de esquerda.

Alvaro Uribe, que governou a Colômbia entre 2002 e 2010 e golpeou duramente a guerrilha das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), negou na semana passada participar de um acordo político pela paz promovido pelo presidente Juan Manoel Santos e que reúne todos os partidos com representação parlamentar.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos