Aeroporto de Bruxelas está 'tecnicamente pronto' para funcionar parcialmente

Bruxelas, 31 Mar 2016 (AFP) - O aeroporto de Bruxelas, cuja área de check-in foi devastada por um duplo atentado em 22 de março, está "tecnicamente pronto" para retomar parcialmente suas operações, mas não haverá "voos de passageiros até a noite de sexta-feira", indicou o operador Brussels Airport em um comunicado.

"A última etapa para retomar as atividades é uma aprovação formal por parte das autoridades políticas", acrescenta, razão pela qual ficou decidido "não organizar voos de passageiros certamente até sexta-feira".

O comunicado não informa quando "as instâncias competentes" tomarão a decisão formal.

A zona de check-in e despacho de bagagens do aeroporto foi devastada pela explosão de duas bombas no dia 22 de março. Desde então o aeroporto permanece fechado.

Depois de uma simulação em infraestruturas temporárias, "o aeroporto está tecnicamente pronto para retomar os voos de passageiros", indica o comunicado.

"A Brussels Airport Company recebeu autorização do serviço de bombeiros e da Direção Geral de Transporte Aéreo (DGTA)", acrescenta.

As infraestruturas instaladas em poucos dias permitirão receber 800 passageiros por hora para as partidas de Bruxelas, isto é, segundo o comunicado, 2,5 milhões de passageiros por ano, "o que representa 20% da capacidade normal do aeroporto".

O aeroporto de Bruxelas emprega direta ou indiretamente 20.000 pessoas.

Antes dos atentados, o operador reivindicava um tráfego de passageiros de 23,5 milhões de pessoas e 489.000 toneladas de carga por ano.

bur-pa/mb/ma

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos