Tiroteio deixa vítimas em boate de Orlando

Miami, 12 Jun 2016 (AFP) - Um ataque ocorrido na madrugada deste domingo em uma boate de Orlando, no estado americano da Flórida, terminou com vítimas e a morte do atirador, anunciou a polícia.

"Podemos confirmar que esta é uma situação com numerosas vítimas", publicou a polícia de Orlando no Twitter, sem detalhar se se tratam de mortos ou feridos. "O agressor está morto dentro da boate."

Pouco antes de anunciar a morte do atirador, a polícia informou que havia realizado uma "explosão controlada" em frente à boate, sem dar detalhes.

O incidente na boate Pulse, centro de Orlando, começou por volta das 2h locais. Segundo testemunhas, um homem abriu fogo com uma arma automática.

"Por volta das 2h, alguém começou a atirar. As pessoas se jogaram no chão", contou um dos clientes, Ricardo Negron, à Sky News. A testemunha disse ter ouvido disparos contínuos por quase um minuto, embora tenha parecido muito mais.

A boate Pulse, que se apresenta em seu site como "o bar gay mais quente de Orlando", publicou no Facebook uma última mensagem urgente: "Saiam e corram!"

Este foi o segundo ataque na cidade em pouco mais de 24 horas, depois que a cantora Christina Grimmie foi morta, sexta-feira, por um homem que a atacou após um show.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos