Retirados seis novos corpos de escombros de hotel soterrado na Itália

Em Roma

  • Vigili del Fuoco/Reuters

    Imagem aérea mostra hotel soterrado por neve após avalanche causada por terremotos

    Imagem aérea mostra hotel soterrado por neve após avalanche causada por terremotos

Os socorristas retiraram na noite de segunda-feira (23) seis novos corpos sem vida dos escombros do hotel devastado seis dias antes por uma avalanche na Itália, anunciaram nesta terça-feira (24) os meios de comunicação italianos, citando as autoridades locais.

Com estas novas vítimas, sobe para 12 o número de pessoas mortas na catástrofe, e cai para 17 a quantidade de desaparecidos, entre os quais os socorristas seguem esperando encontrar sobreviventes, além dos 11 que já foram resgatados com vida.

Enquanto prosseguiam as operações de resgate, a justiça italiana investigava o ocorrido para determinar se a catástrofe poderia ter sido evitada no hotel Rigopiano, situado na zona montanhosa dos Abruzos, no centro da Itália.

Um dia após uma enorme avalanche atingir o edifício, foi aberta uma investigação por homicídio culposo para determinar se todos os riscos haviam sido levados em conta, tanto na construção do hotel quanto no desenvolvimento dos acontecimentos de quarta-feira.

Na sexta-feira (20) e no sábado (21), os socorristas resgataram vários sobreviventes, que explicaram ter passado mais de 48 horas na escuridão, no frio e no silêncio, comendo neve para aplacar a sede.

Apesar de ter aberto novos pontos de acesso, as operações avançavam desde então lentamente, frequentemente sem máquinas para evitar um desabamento interno do edifício.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos