Presidente iraniano vai disputar segundo mandato

Teerã, 26 Fev 2017 (AFP) - O presidente iraniano, Hassan Rohani, decidiu disputar a eleição de 19 de maio para tentar um segundo mandato de quatro anos, anunciou neste domingo o vice-presidente para Assuntos Parlamentares, Hoseinali Amiri.

"Rohani chegou à conclusão nas últimas semanas de que participará na eleição presidencial", afirmou Amiri, de acordo com a agência oficial IRNA.

Eleito em 2013 com o apoio dos moderados e dos reformistas para um primeiro mandato de quatro anos, Hassan Rohani, um religioso moderado de 68 anos, não havia anunciado até agora de forma oficial suas intenções.

As candidaturas devem ser apresentadas até 15 de abril, de acordo com a lei iraniana.

Em seguida, o Conselho dos Guardiões da Constituição tem um prazo de 10 dias para aprovar ou vetar as candidaturas.

A campanha eleitoral começará em 28 de abril e terminará em 17 de maio.

Um ex-vice-presidente do ultraconservador Mahmud Ahmadinejad, Hamid Baghaie, foi o primeiro a anunciar sua candidatura em 18 de fevereiro, como "independente".

Em setembro de 2016, Ahmadinejad - presidente de 2005 a 2013 - declarou que não seria candidato após a intervenção do guia supremo, o aiatolá Ali Khamenei, que o convenceu a não entrar na disputa. De acordo com o líder religioso era necessário evitar uma "bipolarização nociva" no país.

No lado conservador, um novo grupo chamado "Frente Popular das Forças da Revolução Islâmica" foi criado em dezembro com o objetivo de reunir todos os movimentos e políticos desta ala para apresentar uma candidatura única.

neg-stb/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos