Comandante talibã afegão morre em ataque aéreo americano

Konduz, Afeganistão, 27 Fev 2017 (AFP) - O comandante talibã da província de Kunduz, norte do Afeganistão, mulá Abdul Salam Akhund, morreu no domingo em um ataque aéreo americano contra uma reunião de líderes talibãs, anunciaram autoridades afegãs.

"Morreu ao lado de outras cinco pessoas na casa do distrito de Dasht-e-Archi onde estavam reunidos", afirmou o governador da província, Asadullah Amarkhil.

Os talibãs anunciaram a morte do "conquistador de Kunduz" e afirmaram que ele faleceu em "um ataque covarde dos invasores americanos".

Abdul Salam Akhund conquistou em duas oportunidades a cidade de Kunduz, área comercial importante perto da fronteira com o Tadjiquistão.

Primeiro em setembro de 2015, na vitória militar mais importante desde a expulsão dos talibãs do governo pela invasão americana.

Os talibãs abandonaram a cidade após duas semanas no local, pressionados pela aviação americana.

Em outubro do ano passado, os insurgentes entraram novamente em Kunduz, mas foram expulsos poucos dias depois pelas forças afegãs apoiadas pela Otan.

str-emh-ac/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos